FWC Group

BLOG

Descubra como reduzir os investimentos da TI da sua empresa

Descubra como reduzir os investimentos da TI da sua empresa

 

Investir em tecnologia é uma necessidade para as empresas que desejam se manter competitivas no mercado, ou seja a migração para cloud. No entanto, para obter os melhores resultados, é necessário aplicar os recursos de forma estratégica. Caso contrário, sua empresa poderá perder muito dinheiro.

 

Atualmente, uma das maiores discussões se concentra na decisão sobre investir em novos equipamentos ou migrar para a Cloud.

 

Criamos um checklist online que permite o mapear seu ambiente de TI e identificar maneiras de ganhar performance  e reduzir custos. Você pode acessar CLICANDO AQUI.

 

Se preferir, pode aproveitar e conhecer alguns pontos a serem analisados durante essa decisão e descubra qual a melhor opção para a sua empresa!

 

Precificação

Se sua empresa optar por investir em equipamentos, é importante levar em conta diversos custos agregados. Por exemplo, para gerenciar alguns ativos, como servidores, é necessário investir também em licença de algum software proprietário. Da mesma forma, é preciso considerar custos de manutenção, energia elétrica, segurança, etc.

 

Além disso, deve-se considerar que, eventualmente, os equipamentos terão que ser substituídos. Assim, exigindo mais um investimento. Isso, sem falar que, dada a velocidade das inovações no campo de TI, você corre o risco de seu ativo ficar desatualizado ou obsoleto antes mesmo de ser pago.

 

Por outro lado, com a migração para a Cloud, as empresas passam a contar com sistema previsível de custo, que tende a manter-se constante ao longo do ano. Nesse caso, as empresas ainda podem evitar o risco de utilizar recursos ultrapassados ao contratar um provedor comprometido com a inovação, como a FWC.

 

Ou seja, a nuvem oferece um duplo benefício: além de você contar com um orçamento mais previsível, ainda garante maior competitividade ao seu negócio ao oferecer atualizações constantes.

 

Escalabilidade com a Migração para Cloud

Nos últimos anos, a escalabilidade virou a palavra de ordem no universo da TI. Em poucas palavras, podemos dizer que ela se refere à capacidade de um sistema de computação (redes, armazenamento, servidores, aplicativos e serviços) responder rapidamente às novas demandas. Sendo que, isso tudo sem perder em desempenho.

 

Nesse sentido, ser escalável é essencial para proporcionar uma melhor experiência ao usuário. Assim, também um fator fundamental para garantir uma maior produtividade. Além disso, essa capacidade pode ser essencial para uma empresa aproveitar todas as oportunidades de negócios que aparecerem.

 

Então, quando falamos em uma infraestrutura local, a escalabilidade é assunto extremamente crítico. Isso tudo, porque, se ela trabalha sobre demanda, torna-se quase impossível reagir rapidamente aos fatores imprevisíveis. Visto que, na maioria dos casos, exige a compra de novos equipamentos, configuração, testes, etc.

 

Por outro lado, se a empresa mantém mais recursos do que ela precisa no dia a dia, para ter uma “sobra” para responder a imprevistos ela precisa considerar o custo de ociosidade de seus equipamentos.

 

No entanto, em um ambiente baseado em nuvem, a escalabilidade é algo inerente à essa tecnologia. Assim, as empresas podem aumentar ou reduzir os recursos de nuvem, conforme a sua necessidade. Por isso, a migração para a Cloud pode ser considerada uma decisão estratégica, visando ao crescimento das atividades.

 

 

Eficiência operacional

Desta forma, aumentar a produtividade e reduzir os custos é a meta de todas as empresas. Então, a nuvem, nesse sentido, adiciona novos componentes ao ambiente de trabalho que ajudam a alcançar esses objetivos.

 

Ou seja, dentre os benefícios de migrar para a Cloud podemos citar, por exemplo, um maior acesso colaborativo. Com isso, é possível:

 

  • Desenvolver trabalho remoto;
  • Facilitar acesso às informações quando necessário;
  • Possibilitar trabalhos colaborativos mesmo com a equipe separada.

Assim, o ambiente baseado em nuvem também agrega maior segurança aos dados, facilidade de integrar novas tecnologias, como a Internet das Coisas, maior poder de gerenciamento de demandas, etc.

 

Resumindo, migrar para a Cloud é uma opção que oferece às empresas agilidade e flexibilidade necessárias para permanecerem relevantes nos mercados em constante mudança e atender às necessidades de seus clientes, por exemplo, com mais sucesso e rapidez.

 

Como é a migração para a Cloud?

Como vimos, migrar para a Cloud oferece muito mais vantagens do que comprar novos equipamentos. Acima de tudo, com ela, além das empresas pagarem somente pelo que usam e quando o usam.  Neste sentido, os custos contínuos reduzidos permitem prever e planejar melhor seus orçamentos e fluxos de caixa sem desperdiçar excesso de capacidade.

 

Então, para migrar para a Cloud sem esforços, o primeiro passo é procurar uma empresa confiável. Assim, certifique-se que ofereça soluções de qualidade e sob medida, além de um ambiente seguro e altamente disponível.

 

A FWC é uma provedora de soluções em TI com mais de 11 anos de experiência, focada na satisfação de seus clientes.

 

Além disso, conta com uma equipe de especialistas em Cloud, Database e infraestrutura. Assim, FWC Group disponibiliza atendimento 24x7x365, alto desempenho dos serviços oferecidos, segurança para seus dados, monitoramento, instalação e configuração rápida.

 

Por isso, não perca mais dinheiro. Entre em contato com nossos técnicos especializados e comece a planejar sua migração para a nuvem agora mesmo.